segunda-feira, 19 de novembro de 2007

Chove!


Hoje acordei com o som da chuva a bater na janela.
Aconcheguei-me mais na cama, naquela doçura de não querer sair do quente e abraçar o frio cortante de Novembro (que quase tardou em chegar).
Fui despertando lentamente e ganhando coragem. Mal pus o pé de fora, voltei a metê-lo dentro dos lençóis.
"Mais cinco minutos", pensei. E assim foi - se não fosse a transportadora a tocar à campaínha e a fazer-me saltar da cama!
Já há muito que não sentia a ponta do nariz gelada.

10 comentários :

borboleta disse...

Gosto do frio, mas não é nada bom sentí-lo... gosto quando estou fria e me aqueço no crepitar da minha lareira com um bom chá e uma boa companhia... huumm, que bom que é!
E claro, como todas as pessoas durante o Inverno, tu também fazes os teus "mais cinco minutos"... =)

beijinhos**

brun0.m@rkez disse...

já tinha saudades do frio no nariz.
gosto de viver as estações. já estava farto do calor.

**

Porcelain disse...

Gosto muito do Outono/Inverno. Gosto do frio e da chuva. Acho que são estações de introspecção.

Mas nos últimos dias também tenho preferido o conforto da minha caminha. :)

Beijinho *

Ju disse...

Ha imenso tempo que nao sentia a chuva bater na janela. Mas senti que ela estava a chegar, o vento começava cada vez mais frio, as nuvens mais escuras e nao Guarda senti bem a diferente.
Num dia em que pensei que iria estar um belo sol, ao colocar o pe fora da cama senti um friozinho abri a janela e vejo tudo molhada... E disse olhando para trás "finalmente chegou o inverno".


Agora menina Cakau agasalhe-se olhe que o frio é muito amigo dos resfriados ;)



Beijocas

Paula disse...

como é bom ficar na cama a ouvir a chuva a cair...
:)

Alvaro Gonçalves disse...

Boa tarde amiga,

Hoje passo por aqui para te deixar algumas pétalas de rosa perfumadas com muito amor e carinho e o desejo de que tudo esteja bem.
Beijos em teu coração.

Periférico disse...

Custa tanto acordar nestes dias de chuva... :-(

Beijos

Su disse...

Não há memória de uma época natalícia tão seca...

Ainda que ache que todas as coisas devem ter o seu tempo certo, porque assim é que deve ser, devo confessar que gosto do tempo tal como está. Aquele frio de gelar a pontinha do nariz, as mãos e os pés, mas com um sol bem bonito a beijar-nos todas as manhãs.

Pelo frio que avisa permanecer, haja um bom cachecol e umas boas luvas por perto.

Beijinho, querida Cakau.

Nilson Barcelli disse...

Já parou de chover há tantos dias e não escreveste mais...
Talvez hoje (a chuva está a chegar de novo) sintas outra vez a ponta do nariz gelada...
Um Feliz Natal e um óptimo 2008, para ti e para a tua família.
Beijinhos.

Estrela do mar disse...

...amiga, passei para te dar as Boas Festas....


Beijinhosssssss