segunda-feira, 25 de agosto de 2008

Procura

- As pessoas procuram o bem-estar, a felicidade, a satisfação e o contentamento em fontes exteriores. Compram um carro, compram uma casa de férias, compram a felicidade, mas ainda assim sentem-se infelizes...
- Estás a falar de ti próprio? - Perguntou o velho, adivinhando os dilemas do jovem.
- Sim, quer dizer... não conheço ninguém diferente. Não sei como não consigo estar bem, com todas as coisas que adquiri.
O velho suspirou, olhou para o céu, remexeu-se no banco de jardim e depois de uma pausa, disse:
- É preciso sentires-te bem contigo e saberes que estás a fazer as coisas que gostas e o que é certo, para que sintas prazer em tudo o que consegues conquistar. Se não conseguirmos encontrar contentamento em nós próprios, é inútil procurá-lo noutro lado. - concluiu.

2 comentários :

brun0.m@rkez disse...

Se ao menos conseguissemos descobrir o caminho para a felicidade! Mas é tão dificil... Acabamos por desistir a meio.

*

Diana Couto disse...

costuma-se dizer que 'ter é poder'; até pode ser verdade, mas ter não significa ser feliz... e as pessoas deviam compreender melhor isso...

só para dizer que compreendo bem a 'moral desta pequena história' e acho incrível como toda a minha vida 'encaixa' nela...